Frete grátis acima de R$350

A dúvida que mais recebo nas mensagens das redes sociais da marca é sobre como são feitas as peças e seus processos de banho. O que seria esse banho antialérgico? O que são milésimos? Por que você usa esse metal?

O objetivo dentro a Prieto sempre foi e sempre será ser totalmente transparente sobre meus estudos de componentes antialérgicos na joalheria artesanal, minhas escolhas de materiais de trabalho, o porquê eu uso esses componentes e processos. Aqui explico de forma mais resumida possível os principais processos dentro da confecção primária das peças e o banho que ela leva.

A peça é feita no latão (liga metálica de cobre e zinco). Um dos metais mais populares atualmente na confecção de acessórios por ser muito leve, resistente a batidas e arranhões e dificilmente causa irritações na pele. Depois de retirar qualquer imperfeição nas limas e lixas, a peça é bem polida e levada para o banho. Antes de receber o metal nobre, a peça vai para uma série de tanques com banhos preparatórios que possuem diversas funções como uma limpeza caprichada (que retira possíveis resíduos como, por exemplo, a gordura da mão), nivelamento da superfície a nível microscópico, etc.

Entre esses banhos preparatórios está o antialérgico que consiste num banho de paládio: um metal muito utilizado na joalheria tradicional como liga metálica do ouro branco. Sua função na peça banhada é o de selar e evitar que a pele entre em contato com o metal primário da peça.

Algumas empresas usam a prata no lugar do paládio (por ser um metal bem mais barato), mas há casos de alergia à prata. Isso varia muito do organismo de cada um.

Depois de todos esses tanques com banhos a peça finalmente recebe o banho de metal nobre (que pode ser ouro, ródio, prata, etc). Nessa etapa a peça pode receber um banho muito fino (conhecido como flash) ou mais grossa. Quanto mais grossa a espessura do banho de metal nobre, melhor a qualidade e a garantia de que a cor se manterá por muito mais tempo na peça. Essa espessura a gente mede em milésimos! Muitas marcas chamam os milésimos de camadas. Por exemplo, se na descrição da peça diz ter 3 camadas, significa que são 3 milésimos de metal nobre sobre o metal.

Nossa peça finalmente está terminando sua jornada nos banhos, ufa! Mas ainda não acabou! Algumas marcas (como a Prieto) investem num último banho que é um verniz próprio para a joalheria. Ele garante um brilho extra na peça e proteção na cor final do metal. Existem diversos tipos de verniz e atualmente é muito difícil ele poder causar alergias ou irritações.

Por fim, quando vai alguma pedra na peça, é usado a zircônia de qualidade AAA. A zircônia é uma pedra artificial muito usada para imitar o diamante. Assim como ele, a zircônia possui qualidades de brilho, cor e transparência (sendo a AAA a mais alta) e também aceita muito bem passar por alguns processos de joalheria que emitem altos níveis de calor como a fundição. Algumas marcas utilizam pedras artificiais como cristais de vidro ou plástico.

Você já pesquisou o que suas marcas favoritas usam de materiais?

Fique de olho: em muitos casos a alergia pode surgir de alguma liga metálica ou componente do banho.

Dica: um dos componentes mais comuns causador de alergia é o níquel, um metal muito utilizado em semijoias e bijuterias de qualidade inferior e preços baixos.